Murilo Cavalcanti e Elias Gomes. Foto: Divulgação

Elias Gomes conversa sobre a implantação do Compaz em Jaboatão com o secretário de Segurança Cidadã do Recife, Murilo Cavalcanti

Reunido com o secretário de Segurança Cidadã do Recife, Murilo Cavalcanti, Elias Gomes, o petista, mencionou que discutiu a proposta de implantação de Centros Comunitários da Paz (Compaz) em Jaboatão dos Guararapes, cidade onde planeja concorrer nas eleições, visando retomar a administração municipal na qual esteve à frente por oito anos.

Mantendo sua postura habitual, criticou Mano Medeiros, o atual prefeito, por não participar “do debate sobre a segurança pública”, ressaltando que “Jaboatão hoje é a segunda cidade mais violenta do estado”.

“Estamos diante de um dado alarmante. Jaboatão hoje é a segunda cidade mais violenta do estado. Enquanto a gestão atual se omite do debate sobre a segurança pública, buscamos soluções em reuniões com autoridades no assunto. O Compaz é uma ferramenta social poderosa para enfrentar desigualdades e a violência urbana, e ao mesmo tempo, pode criar novas oportunidades. É com novas ideias e muita inovação que iremos superar os desafios que enfrentamos”, comentou o político de esquerda.

A proposta parece ser promissora. Elias deveria sugerir a mesma iniciativa ao prefeito Keko do Armazém, seu aliado político no Cabo de Santo Agostinho, onde seu filho, Betinho, atua como secretário de educação. No município, há relatos de sequestros em plena luz do dia, com as vítimas sendo encontradas em estado de decomposição nas matas próximas.



16/04/2024 às 13:30 – Por Andros Silva

Compartilhe essa matéria, escolha uma rede abaixo.

Check Also

UNIFG e Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes firmam parceria e realizam série de aulões para a orientação de carreira de estudantes

Divulgação