Foto: Leandro de Santana

Paulo Câmara tentou silenciar as igrejas, salienta Anderson Ferreira em encontro com evangélicos: “O povo cristão foi muito perseguido”

Anderson Ferreira, ex-prefeito do Jaboatão e pré-candidato do Partido Liberal (PL) ao Governo de Pernambuco, tomou café da manhã nesta segunda-feira (11), ladeado por 200 pastores e líderes do ministério Assembleia de Deus Abreu e Lima.

No encontro, Anderson fez duras críticas a gestão de Paulo Câmara à frente ao governo do estado e acusou o socialista de tentar silenciar as igrejas, quando fechou os templos durante a pandemia, demorando parar considerar as casas de oração como serviços essenciais em Pernambuco.

Foto: Leandro de Santana

“O povo cristão foi muito perseguido nos últimos anos. As igrejas fazem um trabalho social extraordinário e a custo zero para os municípios e estados. São braços importantíssimos no combate à fome e à miséria, na edificação da fé. Esse trabalho precisa ser reconhecido e não silenciado, como tentou o governo estadual que inverteu prioridades, fechou igrejas e manteve abertas as portas das concessionárias”, disparou.

Roberto José, pastor-presidente da Assembleia de Deus Abreu e Lima e sua filha, Rebeca Lucena pré-candidata a deputada estadual pelo Partido Liberal e o deputado federal André Ferreira, irmão de Anderson, participaram da reunião que aconteceu em um restaurante no bairro do Timbó, em Abreu e Lima.


11/04/2022 às 18:56 – Por Andros Silva

Compartilhe essa matéria, escolha uma rede abaixo.

Check Also

Danilo Cabral e Marília Arraes, para Anderson Ferreira, “são a mesma coisa”

Quem participou de uma sabatina nesta terça-feira (9) na Rádio Jornal foi o candidato ao …