Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press

Os vereadores da caneta de ouro

Assim como aconteceu com a absurda ideia de aquirir smartphones modernos com valores estimados em R$ 12 mil, após a pressão popular, iniciada com a imprensa, a Câmara Municipal do Recife voltou atrás e eliminou a ideia esdrúxula de comprar kits executivos personalizados para os vereadores.

No kit, canetas, agendas, blocos de anotações, calendários de mesa e uma linda mochila executiva de couro legítimo, estavam listados. Para se ter uma ideia, a caneta de ouro, contém ironia, custa R$ 184,69 cada e as mochilas são encontradas na internet por valores entre R$ 400 e R$ 1 mil. O custo total dessa gracinha beirava os 300 mil.

Ao portal G1/PE, o Legislativo Municipal informou que o processo cumpre os preceitos da legalidade, mas que entendeu que a suspensão “é a decisão mais adequada a ser tomada, considerando o momento atual”.

A Câmara Municipal informou, ainda, que “em anos passados já foram confeccionados tais produtos que são usados pelos parlamentares”. O processo nº 91/2021, que trata do pregão eletrônico nº 016/2021, foi publicado no dia 25 de novembro.

Em tempo… O povo e os jornalistas seguem de olho nas movimentações que acontecem nas dependências da Casa de José Mariano.


03/12/2021 às 15:32 – Por Andros Silva

Compartilhe essa matéria, escolha uma rede abaixo.

Check Also

Atendimento psicológico social é oferecido no Recife

Divulgação