Foto: Reprodução

Os gastos dos ex-presidentes. Lula lidera o Ranking

O Ranking Político, usou os dados da Secretaria Geral da Presidência, do ano de 2020 e divulgou que os ex-presidentes do Brasil não tem muito que reclamar, financeiramente falando, como sempre!

Seus rendimentos mensais e outros gastos pagos pelo Planalto, leia-se dinheiro público, seguem intactos, mesmo diante da crise causada pela pandemia do novo coronavírus, onde muitos pais de família precisaram fazer acordos com empresas para reduzir salários e outros perderam até os empregos e seguem desesperados, sem saber o que fazer para colocar o pão na mesa. Sem falar nos que não conseguiram trabalhar devido a decretos e mais decretos impostos pelos estados.

O Ranking mostrou que o ex-presidente Lula, em 10 meses, de janeiro a outubro de 2020 e sua “companheira” Dilma foram o que mais gastaram, 790 e 781 mil respectivamente. Ainda falando em Lula, do valor torrado por ele, R$ 249,8 mil foram com diárias e passagens. Collor aparece logo atrás com 729, seguido por Temer 687, FHC 686 e Sarney, 590 mil. Crise para quem?

Vale lembrar que… Terminado o mandato, o presidente tem direito ao auxílio de quatro servidores para sua segurança, assim como dois veículos oficiais com dois motoristas, somando salários de R$ 28.738,36 mensais. Aos cofres públicos, os ex-presidentes brasileiros ainda vivos custam cerca de R$ 4,5 milhões por ano. Como diz o jornalista Cardinot “durma com uma bronca dessas.”

25/06/2021 às 08:58 – Por Andros Silva

Compartilhe essa matéria, escolha uma rede abaixo.

Check Also

Pré-candidato de Camaragibe presenteia Bolsonaro com camisa do Sport durante encontro no Rio de Janeiro

Divulgação