Foto: Arquivo do parlamentar

“Não se pode abandonar um projeto de governo afinado com a Frente Popular nesses últimos 10 anos, por uma aventura política”

Dono de mais de 80 mil votos nas últimas eleições, quando saiu candidato a prefeito em Jaboatão dos Guararapes, Daniel Alves, ex-vereador do município, foi procurado por este Blog. Entramos em contato para saber a opinião do emedebista sobre a decisão do deputado federal e presidente do MDB-PE, Raul Henry, que resolveu vetar o sonho do prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, disputar o governo do Estado pela sigla presidida por ele em Pernambuco.

Raul foi o principal padrinho político de Daniel no pleito passado, caminhou com ele por Jaboatão e puxou o coro junto a militância. De acordo com o deputado, que escolheu seguir apoiando a Frente Popular do amigo Paulo Câmara, a ligação do gestor da “Califórnia Brasileira” e sua família com o presidente Jair Bolsonaro foi o principal motivo para a rejeição do MDB à sua candidatura ao Palácio do Campo das Princesas.

Em sua resposta para os leitores do Blog do Andros, Daniel atacou o gestor da maior cidade do Sertão e seu clã: “Não se pode abandonar um projeto de governo afinado com a Frente Popular nesses últimos 10 anos, por uma aventura política de uma minoria dentro da legenda que representa o desastroso governo de Bolsonaro”.

Disse que o “presidente estadual do MDB, Dep. Federal Raul Henry, é um político respeitado por toda a classe política, por sua postura sempre coerente, ética e democrática” e contou que o membro do órgão legislativo “tomou tal decisão depois de conversar com várias lideranças do MDB”, atendendo “ao sentimento da maioria.”

“Considero a decisão de Raul acertada. É claro que uma candidatura majoritária é importante para qualquer partido, mas a mesma precisa estar alinhada aos ideias da legenda. Como já coloquei anteriormente, a candidatura de Miguel Coelho vai contra o que defende a maioria do MDB, que faz oposição ao Governo Bolsonaro. Temos excelentes nomes na Frente Popular que podem representar com sucesso a nossa aliança política em 2022. Acredito que na hora apropriada, a escolha será feita de forma coletiva e democrática”, finalizou Alves.

Em tempo… Daniel Alves trabalha atualmente na gestão do prefeito João Campos no Recife


05/08/2021 às 16:55 – Por Andros Silva

Compartilhe essa matéria, escolha uma rede abaixo.

Check Also

Marília Arraes reforça aliança com Elias em encontro de apoio no Jaboatão nesta quinta-feira

Marília. Foto: Solidariedade / Elias. Foto: Divulgação