Imagem/Reprodução

Assim como no Recife, professores de Caruaru decretam greve

Raquel Lyra, prefeita de Caruaru, assim como João Campos, prefeito do Recife, não deu para todos os professores, o piso nacional, como manda a nova lei. Com isso, como na cidade sob o comando de João recentemente, os profissionais da educação da Capital do Forró, no seu direito, decretaram greve na manhã de hoje.

Protestos na rampa e nos jardins do Palácio Municipal foram realizados e gritos como: “Professor na rua, Raquel a culpa é sua”, eram ouvidos. Vale lembrar que na cidade apenas os efetivos estão em greve. São 1.100 que integram o grupo dos concursados. Os 1.190 contratados, maioria, claro, seguem trabalhando.

Raquel é pré-candidata ao Governo de Pernambuco e está prestes a deixar a prefeitura para enveredar no projeto rumo ao Palácio atualmente ocupado por Paulo Câmara.

No detalhe… Raquel enviou para a Câmara a proposta de 33,24%, como definido pelo Governo Federal, mas de forma restritiva aos servidores que recebem abaixo do piso. Para os demais profissionais, o reajuste proposto é de 10,16%. A categoria que pede o reajuste para todos os docentes, óbvio, não aceitaram.


14/03/2022 às 15:24 – Por Andros Silva

Compartilhe essa matéria, escolha uma rede abaixo.

Check Also

São João de Caruaru sem Jorge de Altinho: Após repercussão negativa, Raquel diz que programação “não está completamente fechada”

“Um tiro no pé de bacamarte” foi assim que definiu um amigo ligado à cultura, …