Ricardo Valois e Marlus Costa. Fotos: Reprodução/Facebook

“A interdição de banho na área não foi só por ter o vereador solicitado”, diz Ricardo Valois, que trabalha no gabinete de Anderson

O ex-vice prefeito do Jaboatão, Ricardo Valois (E), que atualmente trabalha no gabinete de Anderson Ferreira, respondeu um comentário do Blog, postado ontem na sessão “Em tempo”, junto a matéria falando que o prefeito Anderson Ferreira tomou a decisão após o vereador Marlus Costa solicitar, através de requerimento, a interdição do perigoso trecho da praia de Piedade, local onde ocorreram dois ataques de tubarão dentro de 15 dias, tendo um banhista morto e outro gravemente ferido.

“O difícil é compreender os motivos que levaram o prefeito esperar um vereador fazer o pedido para tomar a iniciativa. Não percebeu antes o tamanho do perigo diante dos ataques? Vai entender”, comentou esse veículo. Dando uma leve “bajulada” no parlamentar autor do pedido, Valois disse que “a interdição de banho na área não foi só por ter o NOBRE vereador, meu amigo e COMPETENTE ter solicitado, mas por uma questão de lógica de um ataque para o outro em um pouco espaço de tempo” e tentou explicar os reais motivos da decisão tomada por Anderson Ferreira. Veja abaixo a íntegra do comentário.

Resposta

“Engraçado o comentário, eu era menino nasci em Jaboatão Centro e vinha com minha família tomar banho de mar, exatamente no trecho da igrejinha de Piedade, naquela época já se falava que um tubarão atacou um padre tomando banho, isso há 50 anos, não é nenhuma novidade que aquela área é perigosa, segundo alguns peritos e professores universitários já estudaram o perigo naquela área de ataques, já alguns anos existem placas no local sinalizando o perigo de banho ali, pois existe um canal onde os tubarões tem como chegar perto da orla, e eles também vem atrás de comida, devido os dejetos que são derramados na foz do Rio Jaboatão, então a interdição de banho na área não foi só por ter o nobre vereador, meu amigo e competente ter solicitado, mas por uma questão de lógica de um ataque para o outro em um pouco espaço de tempo, parabéns ao prefeito Anderson Ferreira pela interdição, já que o próprio povo não atende as sinalizações da área e continua a tomar banho e se arriscar a ser atacado e até morrer, vamos continuar aguardando que solução os cientistas poderão dar para resolver esse problema e o povo colaborar e não entrar na água naquele local, pois como falei, há mais de 50 anos esses ataques já ocorrem.”

Em tempo… Com esse comentário, o ex-vice prefeito faz com que este Blog levante outros questionamentos… Sabendo de tudo isso, com a importância do seu cargo e influência junto ao prefeito Anderson Ferreira, porque não tomou uma atitude, alertando e incentivando sua gestão a interditar a área? Estava esperando mais uma mãe perder um filho, como aconteceu? Marlus Costa teria que tomar a iniciativa para alertar o gestor? Valois em sua ânsia em defender, para agradar o seu maior ídolo na política atual, acaba é piorando a situação. Sabe a Chiquinha, personagem do seriado Chaves quando passa a defender o seu pai? É por aí!

28/07/2021 às 16:49 – Por Andros Silva

Compartilhe essa matéria, escolha uma rede abaixo.

Check Also

Elias Gomes conversa sobre a implantação do Compaz em Jaboatão com o secretário de Segurança Cidadã do Recife, Murilo Cavalcanti

Murilo Cavalcanti e Elias Gomes. Foto: Divulgação